Estimular a entrada das mulheres no mercado de construção civil como forma de renda e também dar autonomia para reparos na casa é o objetivo da parceria entre a rede de lojas taQi e a ONG Mulher em Construção, que realiza nos próximos dias 20 e 21 de julho oficinas gratuitas sobre reparos na casa, hidráulica, cerâmica, alvenaria e curso de pintura.

Na sexta-feira, as participantes receberão dicas sobre soluções rápidas, eficientes e baratas para resolver problemas como canos furados, entupimento do ralo, azulejo quebrado e buraco na parede. A turma também vai aprender assentamento de cerâmica, colocação de rejunte e argamassa. Além disso, será realizada uma conversa sobre a posição e os desafios das mulheres no mercado de trabalho da construção civil e os projetos desenvolvidos pelo poder municipal para a inserção e defesa das mulheres, a Roda de Conversa, que ocorre às 14h, junto com a Secretaria Municipal de Cidadania e Condim de Erechim,  no Rio Grande do Sul.

No sábado, ocorrerá uma aula prática de pintura para 25 alunas inscritas na sexta-feira. Como acontece em todas as edições, uma instituição é escolhida para receber as alunas e a prática por meio de uma pintura beneficente. Em Erechim, a escolhida foi o Centro de Referência em Assistência Social/CRAS.

A ONG Mulher em Construção tem 10 anos de atividades. O carro-chefe dessa organização é o público feminino em situação de risco social e econômico, com mais de 4000 mulheres beneficiadas pelo programa, formando-as para o mercado da construção civil. As oficinas e cursos oferecidos para mulheres, gratuitos, são nas especialidades de pedreira, pintora, azulejista, ceramista, alvenaria, eletricista e hidráulica. Ministradas por profissionais qualificados e as aulas têm por base o aprendizado empírico, focado na prática.

Fonte e Imagem: CBIC