Mais de R$ 822 mil foram empenhados em melhorias na estrutura do hospital

Referência no atendimento aos casos da Covid-19, o Hospital Regional da Asa Norte (Hran) tem passado por várias adequações prediais durante o período da pandemia, para proporcionar serviços mais dignos à população e aos servidores que utilizam as instalações.

Ao todo, R$ 822.590,59 foram empenhados pela Secretaria de Saúde (SES) em reformas que estão sendo feitas desde o início do enfrentamento à Covid-19. Uma das revitalizações mais recentes foi a obra de pintura das fachadas de todo o hospital e troca dos letreiros na lateral do pronto-socorro geral e de ginecologia/obstetrícia.

Já na área de radiologia, foi instalado um novo tomógrafo no hospital. O aparelho é fundamental para detecção da Covid-19, pois identifica o comprometimento dos pulmões mesmo que o exame de sangue tenha dado falso negativo. O espaço precisou ser readequado para receber o equipamento, com a troca de portas e maçanetas.

Revitalização

Uma das reformas mais importantes foi a revitalização do box do pronto-socorro. Todo o encanamento de ar-comprimido para abastecer a rede de gases precisou ser trocado, para instalar a máquina de diálise. O local também passou por pintura, substituição da rede elétrica e retirada de infiltração.

O box ainda recebeu um lavatório hospitalar para escovação das mãos, tomadas novas e consertos da porta de ferro, do vazamento no ar-condicionado e da trava interna. Também foi colocada uma bancada para uma pia, além de terem sido instalados pontos de internet na sala de prescrição.

“Finalizamos o box, mas ainda temos as reformas na anatomia patológica, que começam pelos banheiros, com manutenção hidráulica e retirada das infiltrações”, enumera a diretora administrativa do Hran, Celi Maria da Silva. “A lavanderia também vai passar por reparos, revitalizando a pintura, piso, fazendo balcões de pedra e também arrumando os banheiros”.

Além disso, foi trocado o quadro antigo de energia da UTI e do pronto-socorro do hospital, enquanto o espaço onde funcionava a copa também tem passado por reformas, com vistas a ser adaptado para uma área de convivência dos colaboradores e servidores. Já foi construído um banheiro feminino com vaso sanitário e ducha, e serão instalados um bebedouro, cadeiras para descanso e armários para guarda de bens dos servidores e colaboradores.

Novacap

A Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap) também participa dos trabalhos, fazendo poda de todas as árvores do estacionamento e das áreas verdes ao redor do Hran. “Eles também revitalizaram o jardim principal do hospital e os que ficam em volta da entrada, na portaria central, e os três jardins internos”, informa a diretora.

Fonte: SES/DF

Imagem: Breno Esaki/Agência Saúde