SENAI e dez grandes indústrias se uniram para fazer a manutenção de respiradores mecânicos que estavam sem uso e agora poderão salvar vidas

Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) e dez grandes indústrias se uniram para realizar a manutenção de respiradores mecânicos que estão sem uso, a fim de ajudar no tratamento de pacientes com covid-19.

O diretor geral do SENAI, Rafael Lucchesi, diz que a motivação principal é uma atuação voluntária e gratuita que formou uma rede de mobilização do indústria brasileira. “Estamos todos juntos, colocando o Brasil em primeiro lugarpara fazer frente aos desafios que se colocam”, diz Lucchesi.

A rede voluntária conta com 32 pontos para receber os equipamentos, entre unidades do SENAI e nas seguintes empresas: ArcelorMittal, Fiat Chrysler Automóveis (FCA), FordGeneral MotorsHondaJaguar Land RoverRenaultScaniaToyota e Vale.

A Indústria contra o coronavírus: vamos juntos superar essa crise

 

Fonte, imagem e vídeo: Agência CNI