Índice Nacional de Custo da Construção – M (INCC-M) registrou inflação de 0,91% em julho, percentual superior ao apurado no mês anterior, quando a taxa foi de 0,44%.

A taxa do índice relativo a Materiais, Equipamentos e Serviços variou 0,07% em julho, ante 0,11% em junho. O índice referente à Mão de Obra subiu 1,63% em julho, após registrar alta de 0,72% no mês anterior.

Materiais, Equipamentos e Serviços

No grupo Materiais, Equipamentos e Serviços, a variação correspondente a Materiais e Equipamentos foi 0,04%, contra 0,09% no mês anterior. Dois dos quatro subgrupos componentes apresentaram decréscimo em suas taxas de variação, destacando-se materiais para estrutura cuja taxa passou de 0,07% para 0,01%.

A variação relativa a Serviços repetiu a taxa de variação apurada em junho, que foi de 0,20%. Neste grupo, vale destacar, no sentido descendente, o item projetos (0,47% para 0,00%) e, em sentido ascendente, aluguel de máquinas e equipamentos (0,14% para 0,59%).

Mão de Obra

O índice referente à Mão de Obra subiu 1,63% em julho. No mês anterior, esse grupo apresentou variação de 0,72%.

 

Fonte e Imagens: CBIC