A manhã desta segunda-feira (13) marcou o início da nova gestão da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), para mandato 2020-2023. Na oportunidade, foi empossada a nova diretoria da entidade, que segue com José Carlos Martins na presidência. Do Distrito Federal, são quatro representantes na entidade nacional.

O presidente do Sinduscon-DF, Dionyzio Klavdianos, foi reeleito para o cargo de vice-presidente da área de Materiais, Tecnologia, Qualidade e Produtividade (Comat/CBIC); o ex-presidente do sindicato, Elson Ribeiro e Póvoa, é vice-presidente financeiro; Afonso Assad, presidente da Asbraco, atuará como vice-presidente. Estreante na CBIC, Eduardo Aroeira, presidente da Ademi-DF, ocupa o cargo de vice-presidente administrativo.

Os empossados apresentaram suas expectativas e linhas de trabalho para os próximos três anos. O vice-presidente da Comat/CBIC, Dionyzio Klavdianos, explicou que o projeto da sua comissão está dividido em três aspectos: fortalecer o associativismo, normalização e Construção 2030.

Segundo Dionyzio, a continuidade ao projeto ligado à construção do futuro poderá ajudar com tendências ligadas ao BIM, no sentido de construir mais rápido e melhor. “Acreditamos que esta inovação, apesar dos custos e complexidade, é algo que pode atender desde o pequeno até o maior construtor”, destacou.

Eduardo Aroeira Almeida é o sucessor de Adalberto Cleber Valadão no cargo de vice-presidente administrativo. Segundo ele, é uma grande responsabilidade ocupar este lugar, que foi conduzido tão bem e há tantos anos pelo empresário. “Me sinto em casa na CBIC, tenho amigos da mais alta capacidade aqui. Temos muito o que conquistar!”, ressaltou. Para Elson Ribeiro, é uma honra seguir o trabalho na entidade. “Estamos enfrentando momento conturbado, mas acredito que vamos sair dele mais fortalecidos”, afirmou.

Afonso Assad acredita que esta é uma oportunidade de dar continuidade ao trabalho que vem sendo feito com seriedade e rendendo bons frutos para a construção civil. “Quando o setor do país inteiro pensa de uma forma única, a tendência é crescer! Parabéns a todos que estão comprometidos e empenhados neste crescimento”, reforçou.

No novo mandato, José Carlos Martins afirmou que um dos focos é estreitar laços com o Conselho Consultivo da CBIC, que será presidido pelo último presidente da casa. Neste caso, Adalberto Cleber Valadão. “Vamos buscar uma ponte para termos proximidade com os ex-presidentes mais diuturnamente”, garantiu.

Fonte e Imagem: Sinduscon-DF