No dia 28 de abril de 1969, um acidente de grandes proporções ocorreu em uma mina no estado da Virgínia Ocidental, nos Estados Unidos. A explosão causou a morte de 78 funcionários, sendo um dos maiores acidentes do trabalho registrados até então naquele país. O caso foi responsável por mudar as leis locais sobre exploração do solo e foi escolhido pela Organização Internacional do Trabalho (OIT), em 2003, como o Dia Mundial de Segurança no Trabalho. No Brasil, a data é celebrada desde 2005, quando foi promulgada a Lei nº 11.121.
Como o Dia Mundial da Saúde também é celebrado em abril, no dia 7, o mês ganhou tons verdes e passou a ser um momento de conscientização sobre a importância das ações de segurança e saúde do trabalhador. O movimento Abril Verde mostra que empresas e empregados podem fazer mais em busca de um ambiente laboral mais saudável e sem acidentes, com a disseminação de informações qualificadas para reforçar a cultura de prevenção que deve guiar as ações de todos.