Hoje é:

NOSSO BLOG

Construção: juros altos lideram ranking de problemas da indústria

Sondagem da Indústria da Construção de dezembro divulgada nesta segunda-feira (23/1), pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), revela que o empresariado se diz pessimista em relação ao nível de atividade no setor, que registrou queda na geração de empregos no mesmo período. 

De acordo com a pesquisa, 30,6% dos empresários apontam que o principal problema são as elevadas taxas de juros. “O problema já havia alcançado a primeira posição no ranking no terceiro trimestre de 2022 e recebeu 0,6% a mais de assinalações no último trimestre. Em seguida, vem a elevada carga tributária, assinalado por 28,5% das empresas”, diz a nota de divulgação da sondagem.

Para 28,5%, o principal fator para o pessimismo é a elevada carga tributária, enquanto a falta ou alto custo de trabalhador qualificado e a falta ou alto custo da matéria-prima aparecem empatados no índice de preocupação, entre 23,4% e 23,5%, respectivamente. 

Confiança 

Já o índice de evolução do nível de atividade da indústria da construção registrou queda pelo segundo mês consecutivo. Em dezembro de 2022, o índice foi de 46,6 pontos, abaixo da linha divisória considerada sadia para o setor, em 50 pontos. Em novembro, este indicador foi de 48,2, contra 50,0, em outubro. 

Seguindo a tendência, o índice de evolução do nível de número de empregados da construção ficou em 46,9 pontos em dezembro de 2022, também abaixo da linha divisória de 50 pontos. Assim, a queda no emprego registrou retração pelo segundo mês consecutivo, após cinco meses de resultados positivos. 

Fonte:https://www.correiobraziliense.com.br/economia/2023/01/5068195-construcao-juros-altos-lideram-ranking-de-problemas-da-industria.html

Está gostando do conteúdo? Compartilhe!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *