Exemplo de exibição da data e hora atual

🕒

GDF investe R$ 89 milhões na construção de mais 17 creches no DF

O Distrito Federal vai ganhar mais 17 creches para reforçar a educação infantil na rede pública de ensino. Para essas construções — que já estão em andamento —, o Governo do Distrito Federal (GDF) fará um investimento de aproximadamente R$ 89 milhões para atender mais de três mil crianças com 165 novas salas de aula e mais de 23 mil m² de área construída.

As creches em construção e as cinco em licitação, somadas às outras 11 instituições (que representam investimento de R$ 29.326.320) já entregues pelo governador Ibaneis Rocha entre 2019 e 2023, totalizam 33 creches para ampliar o ensino infantil no DF. A expectativa é de que o GDF destine R$ 151,3 milhões para essas construções, que contabilizam 279 novas salas de aula e 5.333 crianças assistidas.

O esforço do GDF em ampliar a distribuição de creches pelo DF reflete na queda do número de crianças que aguardam por uma vaga nas instituições de ensino infantil da rede pública. Em 2019, a fila de espera era de 19.759 crianças. Com as 11 novas creches entregues pelo governador Ibaneis Rocha, este número caiu para 15.340.

O subsecretário de Infraestrutura da Secretaria de Educação, Leonardo Balduino, afirma que “esses espaços vêm para desafogar a demanda reprimida de crianças de 0 a 5 anos. As creches são de grande valia para toda a comunidade do DF, especialmente para as regiões onde estão sendo construídas” | Foto: Paulo H. Carvalho/Agência Brasília

“Estamos focados no trabalho de construir mais creches no DF. Esses espaços vêm para desafogar a demanda reprimida de crianças de 0 a 5 anos. As creches são de grande valia para toda a comunidade do DF, especialmente para as regiões onde estão sendo construídas”, afirmou o subsecretário de Infraestrutura da Secretaria de Educação, Leonardo Balduino.

De acordo com o subsecretário, as próximas creches a serem entregues são em Ceilândia, Planaltina e Sol Nascente. “Nós temos previsão de inauguração de mais três creches nos próximos meses. O CEPI [Centro de Educação da Primeira Infância] da EQNP 8/12, em Ceilândia; o CEPI da Quadra 23 de Planaltina; e o CEPI da Quadra 500 do Sol Nascente”, revelou.

LEIA A MATÉRIA COMPLETA EM: AGÊNCIA BRASÍLIA