#construcaocivil #bsb #obrapublica

Boulevard transforma paisagem e mobilidade no coração de Taguatinga

Obra de urbanização faz parte do Túnel Rei Pelé e requalifica uma das principais cidades do Distrito Federal. GDF investiu mais de R$ 3 milhões em acessibilidade e paisagismo Fonte Ian Ferraz, da Agência Brasília | Edição: Saulo Moren O Boulevard do Túnel Rei Pelé, em Taguatinga, foi entregue à população nesta quarta-feira (4). A obra de urbanização no coração da cidade vai beneficiar cerca de 30 mil pessoas que circulam pelo local diariamente, além daqueles que visitam e passam de carro ou transporte público. A partir de agora, a população tem acesso a novas calçadas e estacionamentos, ciclovia, paisagismo e acessibilidade nessa obra que contou com investimento de R$ 3,1 milhões. Outra novidade do local é a construção das faixas exclusivas para ônibus, liberadas na última segunda-feira (2). “Estamos fazendo a transformação da cidade através das obras e ficamos felizes quando começamos a fazer as coisas e elas dão certo. Taguatinga não será a mesma após a entrega desse túnel e desse boulevard ”Governador Ibaneis Rocha Como “Presidente Afonso Assad”: “É com grande satisfação que venho expressar meu reconhecimento à grandiosa obra realizada no CET-TAGATINGA. Esta não foi apenas uma intervenção urbanística, mas um verdadeiro marco de solidariedade e comprometimento com os comerciantes da região. A transformação não se limitou apenas à infraestrutura física, criando calçadas e otimizando espaços, mas também se manifestou no fortalecimento do espírito comunitário e no impulso ao comércio local. E tudo isso foi possível graças à dedicação, esforço e profissionalismo dos associados da ASBRACO. Este é um exemplo claro de como a união de esforços pode resultar em grandes feitos para nossa comunidade. Parabéns a todos os envolvidos!” Ao entregar a obra, o governador Ibaneis Rocha falou sobre as mudanças que Taguatinga vem passando nos últimos anos. “Estamos fazendo a transformação da cidade através das obras e ficamos felizes quando começamos a fazer as coisas e elas dão certo. Taguatinga não será a mesma após a entrega desse túnel e desse boulevard”, afirmou o governador. A região ficou mais iluminada. Foram instalados 173 novos postes, 13 pontos em rede aérea (conhecidos popularmente como braços) e 364 lâmpadas LED pela Companhia Energética de Brasília (CEB). E também ficou mais verde. A Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap) foi a responsável pelo plantio de 15 mil metros de grama, 700 metros de canteiros ornamentais, oito mil flores, 150 arbustos e 35 ipês de cores variadas. “Ficou lindo, quebrou a rigidez do concreto e do asfalto. Virou um espaço para lazer e encontro das pessoas no centro de Taguatinga”, observa o presidente da Novacap, Fernando Leite. “É uma entrega muito completa, muito bacana, que requalifica completamente o centro de Taguatinga e transforma essa região realmente em um local agradável, acessível, bom de você transitar e passear”, complementa o secretário de Obras, Luciano Carvalho, responsável pela obra. Durante o evento, o governador Ibaneis Rocha falou de mais uma obra para região, a reforma da Praça do Relógio, que terá cerca de R$ 4,7 milhões em investimentos. “Taguatinga não passava por reformas há muitos anos. Essa obra será importante para compor todo esse cenário aqui da região, que é bastante movimentada. Queremos renovar a cidade, uma potência comercial e uma das regiões mais produtivas do DF”, disse. “Me lembro muito da música ‘Cidadão’ (de Zé Ramalho), que traz uma história muito bonita. Quando essa música tocava e a gente via o túnel aqui acontecendo, essa alameda linda e maravilhosa, esse boulevard ficando pronto, aí logo pensamos em fazer uma pequena homenagem ”José Humberto Pires de Araújo, secretário de Governo Homenagem aos trabalhadores O boulevard também é composto por um memorial em homenagem a Edson Arantes do Nascimento, o Pelé, que deu nome ao túnel. Além dele, os trabalhadores da obra também foram condecorados com placas onde foram gravados seus nomes. Idealizador da homenagem aos trabalhadores, o secretário de Governo, José Humberto Pires de Araújo, explicou de onde ela surgiu. “Quando você vê uma obra acabada, você só quer ver o benefício dela e às vezes se esquece exatamente daquelas pessoas que ali passaram, que ali trabalharam, que colocaram a mão na massa, que criaram as condições para que aquela obra ficasse de pé. Me lembro muito da música ‘Cidadão’ (de Zé Ramalho), que traz uma história muito bonita. Quando essa música tocava e a gente via o túnel aqui acontecendo, essa alameda linda e maravilhosa, esse boulevard ficando pronto, aí logo pensamos em fazer uma pequena homenagem”, conta. Um desses nomes é o do engenheiro civil André Nascimento Borges, responsável pela produção da obra. Gravado na história do túnel, André não esconde a emoção. “Poder ter participado disso e sendo de Brasília é o maior orgulho. Todo mundo que eu conheço eu falo ‘participei daquela obra’, está registrado”, lembra. Mais desenvolvimento Há quatro meses, o GDF inaugurou o Túnel Rei Pelé, por onde trafegam diariamente 135 mil motoristas. O investimento na construção da passagem subterrânea foi de R$ 275 milhões, gerando mais de 1,6 mil empregos.

Boulevard transforma paisagem e mobilidade no coração de Taguatinga Read More »

Opinião

Autor: Imobi Report    Temos testemunhado uma revolução tecnológica que está transformando profundamente diversos setores da economia – e o mercado imobiliário não é exceção.  A chegada da Indústria 4.0 trouxe consigo uma série de inovações e avanços que estão redefinindo a forma como as construções são planejadas, projetadas, executadas e gerenciadas.  Esse fenômeno, conhecido como construção inteligente, está ganhando terreno de forma expressiva no segmento imobiliário de São Paulo, atraindo a atenção de investidores, construtores e, claro, consumidores. Trata-se de um movimento que se refere à quarta revolução industrial, caracterizado pela integração de tecnologias digitais, automação avançada, Internet das Coisas (IoT) e Inteligência Artificial (IA), entre outras soluções.  No contexto da construção civil, a Indústria 4.0 deu origem à construção inteligente, que busca otimizar processos, aumentar a eficiência e reduzir custos por meio da aplicação dessas tecnologias. Na capital paulista, um dos mercados imobiliários mais dinâmicos e promissores da América Latina, essa forma de construção está ganhando destaque e empresas do setor estão incorporando a novidade em suas atividades, desde a fase de projeto até a manutenção pós-construção.  A Modelagem de Informação da Construção (BIM), por exemplo, é uma metodologia que permite a criação e o gerenciamento de modelos digitais em 3D, integrando informações sobre todos os aspectos de uma construção.  Na cidade de São Paulo, o uso dessa solução está se tornando obrigatório em projetos de grande porte, assegurando maior precisão, colaboração e eficiência no planejamento. A IoT é outra aplicação tecnológica que está sendo empregada para monitorar e controlar sistemas em tempo real. Sensores instalados em edifícios podem medir consumo de energia, temperatura, umidade e até mesmo identificar problemas de manutenção antes que se tornem grandes custos. Funcionalidade tecnológica dos novos tempos, a automação residencial permite aos moradores controlar iluminação, temperatura, segurança e aparelhos eletrônicos remotamente, proporcionando mais conforto e eficiência energética.  Devido à crescente preocupação ambiental e à busca por redução de custos operacionais, edifícios inteligentes em São Paulo estão incorporando sistemas de energia solar, iluminação LED inteligente e sistemas de gerenciamento de energia. É importante notar que a adoção de uma construção inteligente acarreta uma série de benefícios tangíveis que abrangem desde a otimização dos processos de construção e operação, resultando em redução de custos operacionais no longo prazo, até a promoção de práticas sustentáveis – como a diminuição do consumo de energia e a minimização do impacto ambiental – e o aumento da qualidade da construção e do monitoramento em tempo real, melhorando a segurança dos edifícios. O manuseio dessas tecnologias será um fator crucial para o crescimento e desenvolvimento sustentável da cidade, e certamente São Paulo se coloca desde já na posição de um exemplo inspirador e bem-sucedido sobre a maneira como as inovações tecnológicas podem moldar um setor tradicional e abrir caminho para um futuro mais eficiente, conectado e sustentável. Para ter sucesso na Indústria 4.0 e fazer isso em escala não basta se apegar somente à tecnologia: é preciso uma transformação completa, passando pela estratégia de negócios, cultura organizacional, e também pela capacitação da liderança e dos funcionários, porque, acima de tudo, o futuro prometido por esse movimento será impulsionado pelo fator humano.  *Por Ricardo Monteiro, diretor de Engenharia da Setin IncorporadoraTags:

Opinião Read More »

Posse Conjunta das Entidades

Na manhã da última terça-feira (8/8), um evento emblemático marcou o calendário da construção civil brasileira. foi o início de um novo capítulo na história da construção civil no Distrito Federal. As entidades Ademi/DF, Sinduscon/DF, Senconci e Codese/DF, sob os olhos atentos do Presidente Afonso Assad, uniram-se em uma cerimônia de posse conjunta, no auditório do Centro Empresarial da Confederação Nacional do Comércio (CNC). O evento, destacou os valores que guiam essas entidades. O que realmente me impressionou, enquanto observava os líderes do setor, foi o comprometimento autêntico com princípios como inovação, sustentabilidade e responsabilidade social. O que este evento significou, para todo setor da construção civil, vai além da mera transição de liderança. Foi uma celebração de uma indústria unificada, pronta para enfrentar os desafios futuros com coragem e inovação. É sobre um setor que reconhece o valor de seus trabalhadores e que está determinado a construir não apenas edifícios, mas uma comunidade, uma economia e um país mais fortes. Esta cerimônia, que homenageou tanto o legado quanto a promessa do futuro, é um reflexo do próprio setor de construção civil – sempre em construção, sempre se esforçando para ser mais do que era ontem. O evento foi mais do que uma cerimônia, o Presidente Afonso Assad fez questão de destacar os princípios que guiaram a trajetória das entidades:“Inovação, sustentabilidade, responsabilidade social e, acima de tudo, a valorização dos profissionais do setor. Ele exortou as entidades a continuarem seu trabalho conjunto, enfatizando que a colaboração é a chave para enfrentar os desafios futuros. Ressaltou Afonso Assad. 📷Fotos: Nina Quintana e Alan Rones.

Posse Conjunta das Entidades Read More »

22º COBREAP chega à São Paulo com maratona de atualização técnica em avaliações e perícias de engenharia

Programação conta com mais de 60 palestras, painéis e mesas redondas com abordagens atuais sobre inspeções prediais, ambientais, rurais e avaliações em geral Entre os dias 11 e 15 de setembro, acontecerá em São Paulo a 22ª  edição do Congresso Brasileiro de Engenharia de Avaliações e Perícias, o COBREAP, principal evento técnico nacional com foco em avaliações, perícias e inspeções de engenharia. A programação deste ano conta com mais de 60 palestras, painéis e mesas redondas, além da apresentação de dezenas de trabalhos, configurando uma verdadeira maratona de atualização para os profissionais do setor. É a quarta vez que a cidade receberá o COBREAP. O tema deste ano será “Excelência Técnica: Inovação, Normas e Capacitação” que, segundo a presidente do Instituto Brasileiro de Avaliações e Perícias de Engenharia de São Paulo (IBAPE/SP), Andrea Cristina Kluppel Munhoz Soares, que também faz parte da comissão organizadora, diz muito sobre o cenário atual. “Entre avanços científicos acelerados, novos recursos técnicos e tecnológicos, além da evolução normativa, os profissionais do setor precisam conectar suas habilidades às necessidades mais atuais em diferentes áreas, garantindo uma visão 360 graus tanto para oferecer soluções inovadoras e de maior qualidade na entrega aos clientes quanto na identificação de oportunidades de mercado”, diz. Programação técnica abrangente A jornada dos engenheiros e arquitetos começará no Pré-congresso, de 11 a 12 de setembro, no campus Higienópolis da Universidade Mackenzie. Na ocasião, serão ministrados minicursos presenciais de 8 horas e workshops de 4 horas. Entre os temas, Elementos essenciais de arbitragem para peritos, Estudo de casos de avaliação de imóveis por inferência estatística, Vícios construtivos e Cases especiais em perícias ambientais. Este ano ainda guarda duas novidades: a primeira é que será possível também participar de cursos EAD neste período, e a segunda é que não inscritos no Congresso também poderão fazer os cursos. Para conferir a programação pré-congresso completa, clique aqui. Já no Congresso, que começa dia 13 de setembro, as apresentações foram agrupadas em 5 grandes áreas: ambiental, rural, perícia ou inspeção predial, avaliação e temas de interesse geral. Em perícia ou inspeção predial, alguns destaques são: Avaliação de impacto em contrato de obras na construção civil, Procedimentos técnicos na entrega e recebimento de obras, e ABNT NBR 17170: edificações – garantias, prazos recomendados e diretrizes. Em avaliação geral, serão abordadas questões como a Avaliação econômica de empreendimentos, Riscos de web scrapping associados à avaliação imobiliária e avaliações em desapropriações – critérios e depreciação do remanescente. Na parte ambiental, serão discutidos assuntos do tipo: Avaliação ambiental em áreas urbanas, Novas temáticas no cálculo do dano ambiental e Requalificação de áreas potencialmente contaminadas e passivos ambientais no mercado imobiliário. No campo rural, os debates passam pela Taxa de rentabilidade de imóveis, a Importância da escolha de variáveis na avaliação e Casos polêmicos. Para citar alguns exemplos da programação voltada para interesse geral, vale destacar: Conflito de interesses e ética, além da Precificação dos serviços de avaliação e perícia: políticas de honorários e a rentabilidade de mercado. A lista completa com temas, horários e indicação de todos os especialistas participantes está disponível aqui. A presidente do IBAPE/SP lembra, ainda, que “é importante que os profissionais planejem a participação, não só pelo volume de apresentações qualificadas, mas para otimizar a experiência, principalmente para as pessoas que não estão em São Paulo. Com tempo, além de garantir a inscrição, é possível pesquisar sobre a logística com melhores tarifas em passagens e hotéis, por exemplo”. O 22º COBREAP será realizado, então, em duas etapas. O Pré-Congresso, de 11 a 12 de setembro, no campus Higienópolis da Universidade Mackenzie, e o Congresso, de 13 a 15 de setembro, no Centro de Convenções Rebouças. Mais informações em: www.cobreap.com.br. SERVIÇO 22º COBREAP Pré-Congresso: 11 a 12 de setembro | Universidade Mackenzie | Campus Higienópolis Congresso: 13 a 15 de setembro | Centro de Convenções Rebouças Av. Rebouças, 600 – Pinheiros / São Paulo

22º COBREAP chega à São Paulo com maratona de atualização técnica em avaliações e perícias de engenharia Read More »

Autorizado inicio da obra de mais 2 escolas no Jardim Mangueiral

📌A Asbraco esteve presente, nesta sexta-feira (19), no evento de assinaturas das ordens de Serviços para construção de Escola Classe e Creche-CEPI na Cidade Jardins Mangueiral.O projeto vai atender 188 crianças. A Asbraco parabeniza nosso associado, ELSHADAY ,responsável pela obra 🚧. Governador Ibaneis Rocha , Secretária de Educação Hélvia Paranaguá, dentre outras autoridades presente.

Autorizado inicio da obra de mais 2 escolas no Jardim Mangueiral Read More »

Esperamos que a FEICON e o 96º Encontro Nacional da Indústria da Construção (ENIC),reuniu mais de 100 mil participantes em uma edição que entrou para a história da marca!

FEICON reuniu mais de 100 mil participantes em uma edição que entrou para a história da marca! Foi uma celebração, a maior feira da construção civil da América Latina acabou batendo todos os recordes de público, geração de negócios e mais de 200 horas de conteúdo e atrações. A FEICON ultrapassou a marca de 102 mil visitantes, gerou mais de 238.000 leads – maior número de leads gerados entre todos os eventos da RX pelo mundo, além de ter apresentado tendências, inovações, tecnologias e lançamentos de mais de 1000 marcas distribuídas em 60 mil m² – crescimento de 40% em relação à edição de 2022.Poder reencontrar e conectar todo o setor foi especial demais! Foram 4 dias intensos, com mais de 200 horas de conteúdos e mais de 210 palestrantes convidados, a FEICON foi palco do 96º Encontro Nacional da Indústria da Construção (ENIC), 17º Simpósio Sincomavi, Encontro VMC e Fórum de Mulheres na Construção, Núcleos de Conteúdo da Construção e do Varejo e um Lounge dedicado aos principais influenciadores da construção civil e arquitetura. Estreando na FEICON, a Rota da Tecnologia, destacou 36 produtos inovadores, já a Rota da Sustentabilidade confirmou sua tradição de revelar produtos altamente diferenciados quando o assunto é ESG, e, para finalizar com chave de ouro, no último dia do evento e através do voto popular dos nossos visitantes, o 1º lugar do Selo de Inovação Varejo by Grau 10 foi concedido a ICFLEX – Iforms, criado pela ICF Argamassas, Tintas e Aditivos. Foi assim que construímos, junto com você, uma das maiores FEICON de todos os tempos e por isso, deixamos aqui nosso MUITO OBRIGADO! Esperamos que a FEICON tenha superado suas expectativas,ficamos muito felizes em poder contar com a sua presença em 2024.

Esperamos que a FEICON e o 96º Encontro Nacional da Indústria da Construção (ENIC),reuniu mais de 100 mil participantes em uma edição que entrou para a história da marca! Read More »

Governador Ibaneis Rocha Assinou a Ordem de Serviço para Construção de Restaurante Comunitário em Samambaia

Nesta terça-feira (11), a Asbraco participou da Assinatura de Ordem de Serviço para Construção de Restaurante Comunitário, com a presença do Governador Ibaneis Rocha e autoridades do Governo do Distrito Federal. O Restaurante Comunitário é um programa criado pelo Governo do Distrito Federal, por meio da Lei Nº 4.208, de 25 de setembro de 2008, regulamentado pelo Decreto Nº 29.975, de 27 de janeiro de 2009, com vistas a contribuir com o Direito Humano a Alimentação Adequada (DHAA). Os Restaurantes Comunitários são equipamentos públicos de segurança alimentar e nutricional que tem por finalidade o preparo e comercialização de refeições saudáveis a preço acessível, que tem como objetivo contribuir com o acesso a alimentação adequada, respeitando as características culturais e hábitos alimentares da região, priorizando o acesso das famílias em situação de vulnerabilidade social.

Governador Ibaneis Rocha Assinou a Ordem de Serviço para Construção de Restaurante Comunitário em Samambaia Read More »

Por que fracassam a Reforma Tributária

A Asbraco,representado pelo seu Presidente Afonso Assad,O Sinduscon-DF, representado pelo presidente Dionyzio Klavdianos, participaram da Palestra do Ex secretário da Receita Federal e o economista Everaldo Maciel sobre a nova “Reforma tributária”nesta terça-feira (28), o evento foi para os membros do Lide Brasília ,liderado pelo Empresário Paulo Octavio. “Importante debate sobre a Reforma Tributária,precisamos pensar nas perspectivas dessa mudança para facilitar a vida das empresas ,para que possamos gerar mais empregos e simplificar os tributos.“Afonso Assad. O especialistaEm palestra no Lide Brasília, o ex-secretário da Receita Everardo Maciel foi incisivo ao dizer para a seleta plateiade empresários do Distrito Federal que o projeto da reforma tributária em estudo no Congresso está cercado de incongruências. Na avaliação dele, a proposta tem tudo para tentar resolver um problema gerando outros. “PIS e Cofins, por exemplo,não têm nada a ver com consumo. É renda”. Everardo acredita que faltaram tributaristas na elaboração dos textos. “Resolver esta questão é prioridade. Sem isso, nada vai dar certo”, disse ontem, durante a palestra “Por que fracassam as reformas tributárias”. Ex-secretário da Receita Federal, o economista Everardo Maciel. Fonte: Correio Braziliense

Por que fracassam a Reforma Tributária Read More »

Portaria dá sobrevida à Lei n.º 8.666/93
Portaria editada pelo Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos prolonga a aplicação do atual regime jurídico das licitações e contratos administrativos.

Nas últimas semanas tem havido um grande esforço, especialmente dos Municípios, para edição de lei que prorrogue a entrada em vigor da integralidade dos dispositivos da Lei n° 14.133/2021 – a Nova Lei de Licitações e Contratos Administrativos. Da equipe de Infraestrutura e Projetos do Vernalha Pereira Dois projetos de leis foram apresentados ao Congresso Nacional com proposta de estender o prazo de vacatio legis por, no mínimo, mais um ano. Nenhum deles teve aprovação, até o momento. No entanto, dada a proximidade de aplicação do novo regime, oriundo da lei publicada em 1° de abril de 2021, o Ministério da Gestão e de Inovação em Serviços Públicos (MGI) editou a Portaria n°720, reafirmando que a Nova Lei de Licitações e Contratos Administrativos passará a reger todas as contratações públicas, feitas pelo regime geral, a partir de 1°/04/2023. Entretanto, os gestores públicos poderão optar por licitar ou contratar pelas Leis n° 8.666/1993, n° 10.520/2002 ou n° 12.462/2011 até o próximo dia 31 de março. O regime de transição detalhado pela Portaria se aplica aos órgãos e entidades da Administração Pública federal direta, autárquica e fundacional e segue o entendimento da Advocacia-Geral da União, apresentado por meio do Parecer nº 0006/2022/CNLCA/CGU/AGU, no sentido de que o registro da opção do regime legal adotado, pela autoridade competente e nos autos de contratação, é suficiente para permitir o processamento da licitação e o regramento do contrato pela legislação antiga. O regime de transição se aplica, também, às licitações destinadas a registro de preços e aos processos de dispensa e inexigibilidade de licitação. Há, ainda, disciplina sobre os contratos celebrados com vigência por prazo indeterminado e sobre os credenciamentos, que devem ser extintos até 31 de dezembro de 2024, para que as novas contratações observem o regime da Lei n° 14.133/2021. Nos termos da Portaria nº 720 não é necessário que o edital seja publicado até 31/03 deste ano para garantir a regência das leis que serão revogadas pela Lei n° 14.133/2021. O mesmo regramento é encontrado no Decreto n° 67.570, de 15 de março de 2023, do Governo do Estado de São Paulo. O fato das citadas normas infralegais terem disciplinado o regime de transição para aplicação integral da Lei n° 14.133/2021 não impede sua aplicação desde logo pelos órgãos e entidades que a elas devem observância, já que disciplinam a opção pelo regime antigo e não sua obrigatoriedade. A portaria federal e o decreto paulista dão alguma sobrevida ao regime legal capitaneado pela Lei n° 8.333/1993 e demonstram o quão distantes os órgãos públicos estão de cumprir o princípio do planejamento, um dos pilares da Nova Lei de Licitações. A área de Infraestrutura e Projetos permanece à disposição para esclarecer sobre este e outros temas de interesse de seus clientes e parceiros institucionais.

Portaria dá sobrevida à Lei n.º 8.666/93
Portaria editada pelo Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos prolonga a aplicação do atual regime jurídico das licitações e contratos administrativos.
Read More »

Dinâmica Construção 2030 – 96° ENIC
Barreiras para Industrialização da Construção no Brasil

Barreiras para industrialização da construção no Brasil 🚧Qual a sua barreira à industrialização da construção? ✒️ A CBIC, por meio da COMAT, quer saber quais as barreiras que você tem enfrentado quanto à industrialização na construção. As contribuições serão analisadas e debatidas dentro do 96º ENIC, durante a Feicon. A dinâmica faz parte da primeira fase do projeto Construção 2030 para este ano. 🔗 Acessem a matéria completa:https://cbic.org.br/cbic-realiza-pesquisa-para-identificar-barreiras-na-industrializacao/

Dinâmica Construção 2030 – 96° ENIC
Barreiras para Industrialização da Construção no Brasil
Read More »